Topas

 

 

HERPES LABIAL

herpes_labial.jpg

O herpes labial caracteriza-se pelo aparecimento de pequenas lesões, em vesículas (como se vê na imagem, parecem bolhas de um líquido transparente) ou úlceras, localizadas nos lábios que são causados pelo Vírus Herpes Simplex 1. Normalmente, desaparecem sem tratamento passado cerca de 2 semanas. Não têm gravidade se não tiveres o teu sistema imunitário comprometido mas esteticamente é uma chatice.

Existe outro vírus, chamado Herpes Simplex 2, que é responsável pelo herpes genital. Embora estes vírus pertençam à mesma família, eles causam problemas diferentes.

Como sei se tenho herpes?

Geralmente a infeção começa com uma sensação de formigueiro ou dor nos lábios, gengivas, ou no interior das bochechas. Depois, na mesma zona, surgem pequenas vesículas translúcidas que se tornam dolorosas. Estas acabam por rebentar e formam úlceras/feridas, que podem ser ainda mais dolorosas! Finalmente, estas úlceras cicatrizam, deixando uma crosta, que acaba por sarar. Às vezes demoram algum tempo a desaparecer... fazem crosta ... cai... fazem crosta...

O que acontece depois?

A partir do momento em que o vírus entra no teu corpo, ele permanece aí alojado e eventualmente a herpes vai reaparecer uma e outra vez. Estas recorrências podem ocorrer em alturas de maior stress, durante a menstruação, se se fizer uma ferida no lábio ou devido à exposição solar em excesso.

Tratamento

Existem alguns tratamentos eficazes como alguns cremes. Procura-os na farmácia ou pergunta ao teu médico. O mais importante é que só funcionam se começares logo a pôr assim que notas o alto na boca... na fase de ferida já é difícil o creme conseguir controlar. Se começares logo pode nem chegar à parte de ferida e ninguém sequer repara que tiveste herpes.

Se tiveres muitas vezes com herpes há tratamentos para diminuir o nº de episódios ... não cura o herpes mas pelo menos faz com que tenhas muito menos vezes.

Como posso prevenir o seu aparecimento?

Evita beijar pessoas que estejam com herpes labial, de forma a não seres contagiado pelo vírus.

 Outra coisa importante é quando estás tu com herpes ... evita tocar nas lesões e lava as mãos frequentemente. Isto vai prevenir que passes o herpes da boca para outros sítios húmidos que o herpes gosta... nariz, olhos, etc.

Vai também prevenir que contagies outras pessoas ... principalmente tem cuidado ao pé de pessoas com o sistema imunitário... o herpes pode-lhes fazer muito mal.... como bebés, grávidas ou por exº pessoas que estejam a fazer quimioterapia (tratamento de cancros).